O desastre da Ordem dos músicos do Brasil






Para que existe essa instituição?


Recentemente músicos - amigos meus - que frequentam a OMB (Ordem dos músicos do Brasil), me contaram que houve uma intervenção por parte da Policia Federal na sede da instituição de São Paulo. Ao que parece ela agora se encontra sob a administração do sindicato dos músicos; para mim, foi trocar nada por coisa nenhuma, já que nem uma delas cuida dos interesses dos músicos do país. Para que você tire sua carteirinha de músico deve pagar uma taxa de R$ 430,00 (quatrocentos e trinta reais), se for fazer na sede e, R$ 450,00 (quatrocentos e cinquenta reais) nas delegacias regionais da OMB. E qual o retorno que isso vai lhe dar? - "NENHUM", a não ser o prazer de ter uma carteira dizendo que você é músico de CARTEIRINHA ASSINADA




TAXA ANUAL.
A taxa anual é de R$ 157,00 (cento e cinquenta e sete reais) em Janeiro e R$ 188,70 (cento e oitenta e oito reais e setenta centavos) em Dezembro. "Não entendi isso, alguém pode me explicar?"

PLANOS DE SAÚDE E CONVÊNIOS.
Se você procurar a respeito na página da OMB de São Paulo, não vai encontrar nada sobre isso.  Se você desejar pode procurar no próprio site da OMB, sede São Paulo, mais informações sobre os direitos e deveres dos músicos que são inscritos e tem a carteirinha de músico. 


Para concluir, eu acho que, atualmente, essa instituição é totalmente desnecessária, pois cobra (e muito) para não dar nenhum retorno aos seus filiados. Na verdade, hoje não é mais obrigatório ter a carteirinha de músico para se poder trabalhar, faz tempo que uma liminar derrubou a lei que obrigava os músicos a terem de portar esse papel inútil para tocar e trabalhar. 

CONCLUSÃO!
Agora, se você quer dizer pra todo mundo que é músico de carteirinha, pague as taxas, tire a sua e seja feliz.



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

HACKINTOSH

ÓCULOS ESPIÃO - Review

SETE BILHÕES E DUZENTOS MILHÕES DE PESSOAS NO MUNDO

GREVE DOS CAMINHONEIROS

NÃO EXISTE ALMOÇO GRATIS