Bailes Funk

Balão funk



Quem ganha com eles?


Minha geração também queria ser desenfreada, ter liberdade total, e achava que os mais velhos estavam por fora, não sabiam de nada. Vivíamos tempos difíceis e fazíamos questão de em muitas vezes extrapolar nossos desejos, nos fazermos respeitar. Não fomos em nada diferentes dessa mocidade de hoje em dia, eles, assim como nós, também querem ter sua identidade, deixar sua marca no mundo. A mocidade sempre deseja conquistar seu espaço dentro da sociedade em que vive, fazem alarde, e vez ou outra mudam todas as regras para que o mundo seja do jeito que querem. É certo que a geração anterior sempre abre os caminhos para a próxima, nós fizemos isso, abrimos muitas portas para a geração anterior. O problema, na minha modesta opinião, é que nós, diferente de nossos pais, esquecemos de botar um freio em nossos filhos. Exageramos quando os deixamos fazerem o que bem desejam, talvez porque nós
mesmos desejássemos ter mais liberdade, cometer loucuras, viver em total liberdade de pensamento e de atitudes.

Pecado social!
Mas cometemos um pecado social que foi o de não frear-mos a próxima geração. Nossos pais colocaram freios em nós assim como nossos avós, puseram freios neles. Não estou querendo dizer aqui que tudo é nossa culpa; os nossos governantes não acolhem e não se importam nem um pouco com o que acontece nas periferias das grandes cidades, não fazem e nem implantam políticas de inclusão mais justas, deixam o povo mais pobre jogados ao Deus dará.

Adotados pela marginalidade!
Apelo a sensualidade

É triste constatar mas o resultado que se vê agora é a degradação da juventude, onde o estado falha a marginalidade impera. Não, não estou afirmando que todos os frequentadores de bailes funk sejam marginais, mas afirmo veementemente que eles estão sobre o controle desses marginais. Todos sabem que esses bailes são realizados ou organizados por traficantes, e o pior é que fazem isso sobre o olhar de um estado impotente, de uma sociedade que agora, depois de tanto se omitir, tem que assistir a degradação e a humilhação de meninas que acham bonito dançarem sendo encoxadas. De garotos menores de idade que bem, fumam e consomem drogas. 

A pior das drogas!
Não é preciso ser perito ou um expert para se saber que as drogas de hoje são bem piores, são lixos sintetizados que tem um efeito de destruição muito elevado. Nossas crianças terão uma vida miserável em pouco tempo, os efeitos desses venenos sintéticos são devastadores e o grande problema, é que ninguém, estado e sociedade, procura uma maneira de banir isso do meio desses garotos. Daqui a alguns a sociedade ira sentir o peso dessa omissão. 

Somos todos culpados pelo que esta acontecendo. Estamos sendo covardes com a nossa juventude, com os nossos garotos. É uma grande pena termos de carregar essa culpa, mas é o que esta por vir.

Comentários

  1. Mas o importante é que você tem muto talento. Foi e é um batalhador e chegou onde queria e vai mais além.Gostei do seu Caledoscópio. Nem sei se escrevi certo! Beijos

    ResponderExcluir
  2. Mas o importante é que você tem muto talento. Foi e é um batalhador e chegou onde queria e vai mais além.Gostei do seu Caledoscópio. Nem sei se escrevi certo! Beijos

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

HACKINTOSH

ÓCULOS ESPIÃO - Review

SETE BILHÕES E DUZENTOS MILHÕES DE PESSOAS NO MUNDO

GREVE DOS CAMINHONEIROS

NÃO EXISTE ALMOÇO GRATIS